quinta-feira, 28 de julho de 2011

Convites: Dicas e regras de etiqueta para as Noivas



Noivinhas,
     seguindo o tema convites, resolvi fazer um intensivão esta semana no quesito papelaria e etiqueta neste segmento, e hoje eis que posto algumas regrinhas de etiqueta e observações na confecção dos convites.Em Boas-maneiras, o convite é uma forma de se distinguir uma pessoa, comunicando-lhe que a sua presença em um evento social de nossa iniciativa nos causará prazer e nos deixará honrados e felizes mas, para que isso seja possível, como tudo na vida, existem algumas regras de etiqueta e critérios a serem seguidos.


Um ponto importante e que friso sempre é quanto a lista de convidados, ela é uma das primeiras providências no planejamento de um evento e que vai dar a base de tudo. O número dos que comparecerão é um elemento fundamental para os cálculos do espaço, dos custos e, sobretudo, para a quantidade de convites que se mandará fazer.
Feito isso, partimos para a encomenda com a gráfica, sempre procure referências sobre a mesma no quesito pontualidade (prazo de entrega), procure ir até o escritório conferir pessoalmente o mostruário, ver a qualidade do serviço e do material trabalhado. A encomenda à gráfica deve ter antecedência de no mínimo três meses, levando-se em conta caso você tenha algum convidado que mora fora de seu domicílio.Quando feito com menor prazo, dará a impressão ao convidado de que foi lembrado de última hora, ou porque foi esquecido inicialmente ou porque está substituindo um convidado que não confirmou sua presença.


O que escrever


As três principais funções dos convites de casamento, segundo a consultora Vera Simão, são:
  • Passar informações necessárias (noivos, data, local, horário…);
  • Indicar o grau de formalidade da festa (para que as pessoas saibam o que usar);
  • e servir de lembrete para os convidados.
O estilo do texto deve combinar com o perfil dos noivos e o tom da festa. Para os tradicionais, cabe a linguagem formal, com números em extenso (em vez de “2008″ , “dois mil e oito”). Para casais descontraídos, o texto segue a linha coloquial (mais informal) e pode até incluir irreverências como “Finalmente vamos casar e você é nosso convidado”.
Seja qual for o estilo, devem constar no convite obrigatoriamente as seguintes informações: nome dos noivos, nome dos pais (se estes forem os anfitriões), data, horário e local da cerimônia e da festa, se houver e endereço dos noivos (dos pais ou dos próprios, para entrega de presentes). Costuma-se usar uma frase romântica no topo. Pode ser um versículo, um poema, um trecho de uma música…Logo mais farei um post somente com exemplos de frases para convites.
Além do estilo do texto, deve se atentar também para a forma de convidar,  existem 3 formas diferentes de convidar, dependendo de quem convida (pais da noiva, ambos os pais e os próprios noivos):



  • Pais da noiva convidam:

    Maria Carlos de Santa Rita e Silvestre Sampaio de Santa Rita 

    convidam para a cerimônia religiosa do seu casamento
    a realizar-se às dezenove horas do dia cinco de marco de dois mil e onze, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes - Rua 26, s/n - Parque Dez

    Após a cerimônia recepcionaremos os convidados no Toscana Festas
    Rua Herman Lima, no. 01, Quadra 15, Conj. Aruanã - Compensa

  • R.S.V.P.
    Tel:92 2333333
    Rua, no., Conj. 
    e-mail:casaremmao@gmail.com



    Pais da noiva e do noivo convidam:

    Silvestre Sampaio de Santa Rita (i.m)     Deocleciano de Souza Lima (i.m)
    Maria Carlos de Santa Rita                       Maria Souza da Silva

    • convidam para a cerimônia religiosa do seu casamento
      a realizar-se às dezenove horas do dia cinco de marco de dois mil e onze, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes - Rua 26, s/n - Parque Dez


      Após a cerimônia recepcionaremos os convidados no Toscana Festas
      Rua Herman Lima, no. 01, Quadra 15, Conj. Aruanã - Compensa

    • R.S.V.P.
      Tel:92 2333333
      Rua, no., Conj.
      e-mail:casaremmao@gmail.com
     


  • Os noivos convidam:

    Com a bênção de Deus e o apoio e dedicação de nossos pais


    Silvestre Sampaio de Santa Rita (i.m)                                                       Deocleciano de Souza Lima (i.m)
    Maria Carlos de Santa Rita                                                                           Maria Souza da Silva

    Suelen & Delcirlon

    convidam para a cerimônia religiosa do seu casamento
    a realizar-se às dezenove horas do dia cinco de marco de dois mil e onze, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes - Rua 26, s/n - Parque Dez
    Nesse lugar e hora, no dia mais importante de nossa vida, desejamos que aqueles que mais amamos partilhem essa felicidade conosco!

    Após a cerimônia recepcionaremos os convidados no Toscana Festas
    Rua Herman Lima, no. 01, Quadra 15, Conj. Aruanã - Compensa


    Rua, no., Conj.                                        Traje: Passeio Completo                     Rua, no.                 
                                                                    R.S.V.P.: 92 2333333





Observações:


  • Quando um dos pais já faleceu:
Como vimos neste último modelo, no caso dos nossos pais, meu e do Delson, que já são falecidos, optamos por citar seus nomes e utilizar a abreviação i.m (in memorian), hoje em dia também usado a frase "sempre presente".
  • Endereçando o convite:
Todo o cerimonial de casamento é celebrado seguindo as regras de etiqueta e ao convidar não poderia ser diferente, como já falei aqui, há uma atenção especial ao fazer o endereçamento dos seus convidados, atentem para isso, abaixo, mais algumas dicas no tocante a sobrescrição dos convites;
  1. Não é elegante enviar apenas um convite em nome de um casal e mencionar "extensivo aos filhos casados". Filhos casados já formam novas famílias e para convidá-los você deve enviar convites separados para cada um deles. O mesmo se estende para os filhos que, mesmo solteiros, não moram mais com os pais.
  2. Para convidar amigos que se separaram recentemente, entregue um convite para cada um e avise que também convidou o (a) ex. Desta forma, caso um deles não esteja preparado para um reencontro, poderá optar por não comparecer. 
  • Confirmação de presença:
Um ítem indispensável, no seu convite é o R.S.V.P. (abreviação de Répondez S'il Vous Plaît, uma expressão francesa, que traduzida para o português significa "Responda por favor"), indispensável, porque como o próprio significado diz, irá ajudá-la na confirmação da presença, com o número de telefone para contato, o próprio convidado ligará para confirmar ou não sua presença no evento, ao invés de você ter que ligar para confirmar. Deste modo, você terá tempo hábil para convidar outra pessoa que você havia cortado da lista ou mesmo repassar essa redução na sua lista para o buffet, uma vez que você paga por pessoa, do mesmo modo que reprogramam o mapa de mesas, evitando aquelas mesas vazias que uma vez ou outra vemos em alguns eventos.
  • Imprimindo o convite:
Antes de terem os seus convites de casamento impressos, recordem-se de rever o texto muitíssimo bem. SEMPRE existe um errinho que pode passar despercebido tanto pela gráfica quanto por você, outro dia recebi um convite de um conhecido que o endereço da recepção deles divergia com o endereço real, imagina que chato ter que ficar ligando para TODOS os convidados para retificar portanto, leia e releia antes de mandar rodá-los.
  • Entregando o convite:
  1. Segundo as regras de etiqueta, o ideal é entregar o convite de casamento em mãos. Quando a distância impossibilita este ato, os convites podem ser entregues via correio.
  2. O ideal é entregar os convites com cerca de trinta dias de antecedência, quando não envolve grandes distâncias. Se os convidados forem de cidades ou países distantes, o prazo para entrega é ampliado para quatro ou cinco meses. Acerte o prazo de entrega com sua gráfica e deixe bem claro que você precisará dos convites com bastante antecedência, por conta de convidados que moram fora.
  3. Como tudo na vida, além de regras, precisamos ter bom senso, logo se pela correria no dia-a-dia lhe impossibilitar ou mesmo for comprometer na entrega pessoalmente dos convites, melhor do que entregar encima da hora e correr o risco do seu convidado não ir ao seu evento, é contratar uma empresa para entrega dos convites, sua cerimonialista mesmo pode fazer isso, é claro que é cobrado uma taxa de entrega, o que é irrisória. Ressalto apenas, optando por este serviço que, seria de bom tom, os noivos anexarem um bilhete ao convite, escrito a mão para dar mais ênfase, dizendo que gostariam de entregar o convite pessoalmente  mas, que em virtude dos inúmeros preparativos isso não foi possível.
  4. Outra dica legal, é aproveitar uma festa de família ou mesmo a realização do seu chá, para a entrega dos convites de casamento.





Fonte:  

  • Cobra, Rubem Q. - Convidando e aceitando convites. Site www.cobra.pages.nom.br, INTERNET, Brasília, 2005 
  • Planejando meu casamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário